Acessibilidade Digital

(7 minutos de leitura) Você sabe o que é acessibilidade digital? Esse é um assunto superimportante nessa nova era digital

Acessibilidade Digital

(7 minutos de leitura)


Já parou para pensar na necessidade de acessibilidade em produtos digitais? Com o mundo cada vez mais digital, é importante que as marcas incluam soluções para que pessoas com deficiência possam ter acesso ao conteúdo digital.

Assim como os ambientes físicos como lojas, edifícios e ruas, por exemplo, precisam ser acessíveis, um site também precisa ser. Isso porque, de acordo com o site The World Bank, um bilhão de pessoas, cerca de 15% da população mundial, sofrem com algum tipo de deficiência.

Mas você sabe o que é a acessibilidade em produtos digitais? É o que falaremos neste artigo. Confira e saiba mais sobre sua importância.


O QUE É ACESSIBILIDADE DIGITAL

A acessibilidade digital tem sido um tema quente nos últimos anos. Não se trata apenas de tornar os sites acessíveis a pessoas com deficiência, mas também de tornar os sites utilizáveis por todos.

É o processo de garantir que todas as pessoas possam acessar serviços e conteúdos digitais usando tecnologias assistivas, como leitores de tela para pessoas com deficiência visual, por exemplo.

O uso de ferramentas assistivas elimina as barreiras que impossibilitam que todos tenham acesso a websites e informações disponíveis na internet. Ou seja, possibilita uma web acessível para todos!


POR QUE A ACESSIBILIDADE EM PRODUTOS DIGITAIS É IMPORTANTE?

A resposta para essa pergunta é simples. Você já passou por situações em que precisou da ajuda de terceiros para realizar tarefas básicas? Depender de outras pessoas é chato, certo? E é por isso que a acessibilidade é importante!

A cartilha Acessibilidade na Web, produzida pelo W3C Brasil, define a acessibilidade na web como “a possibilidade e a condição de alcance, percepção, entendimento e interação para a utilização, a participação e a contribuição, em igualdade de oportunidades, com segurança e autonomia, em sítios e serviços disponíveis na web, por qualquer indivíduo, independentemente de sua capacidade motora, visual, auditiva, intelectual, cultural ou social, a qualquer momento, em qualquer local e em qualquer ambiente físico ou computacional e a partir de qualquer dispositivo de acesso”.

Em outras palavras, a falta de acessibilidade gera a perda de autonomia na execução de tarefas cotidianas essenciais. E se engana quem pensa que apenas PCDs se beneficiam dessa inclusão!

Idosos, analfabetos funcionais, pessoas com problemas de visão, além de portadores de doenças invisíveis como esclerose múltipla, lúpus, artrite, depressão, entre outras que causam lesões físicas e mentais que implicam em usuários que precisem de acessibilidade, ainda que de forma temporária, estão incluídos na lista de beneficiados.


POR QUE DEVO ME PREOCUPAR EM CONSTRUIR UMA EXPERIÊNCIA INCLUSIVA?

Como visto anteriormente, a acessibilidade é importante para garantir que todas as pessoas tenham as mesmas oportunidades e possam participar da sociedade. Também permite que as pessoas possam acessar conteúdo digital, que é um aspecto muito importante de uma experiência inclusiva.

Portanto, investir em acessibilidade digital é ajudar na democratização do acesso à web.

Com um site acessível você permite, por exemplo, que uma pessoa cega faça uma compra sem pedir ajuda. Do contrário, é impedir que milhões de potenciais consumidores, profissionais e parceiros tenham acesso ao seu conteúdo.


COMO CRIAR CONTEÚDO WEB ACESSÍVEL?

O conteúdo acessível da Web é criado para ajudar as pessoas com deficiência a navegar pela Web e interagir facilmente. Isso inclui conteúdo baseado em texto, áudio, vídeo e software interativo, que pode ajudar as pessoas a usar a web sem problemas.

A seguir, listamos algumas boas práticas de conteúdo e design acessíveis que podem ser adotados na web. Confira!


LINGUAGEM DESCRITIVA

Ao escrever, é importante usar uma linguagem descritiva que ajude seus leitores a entender o que você está falando sem ter que adivinhar o significado. Por exemplo, em vez de dizer "o céu estava azul", você poderia dizer "o céu estava de um azul claro e nítido". Isso permite que pessoas com deficiência visual ou alguma outra deficiência que as impeça de ver as cores também aproveitem seu trabalho.


USO DE TEXTO ALTERNATIVO

O texto alternativo assistido é um estilo de texto projetado para ajudar pessoas com deficiência. Isso os ajuda a navegar na web e interagir nela com facilidade.

A ferramenta ajuda pessoas deficientes visuais, disléxicas ou com outras deficiências a usar a web. A tecnologia funciona substituindo imagens por palavras e frases descritivas que retratam o que está acontecendo em cada imagem.


LEGENDA NOS VÍDEOS

Se você não está acostumado a legendar seus vídeos, isso pode criar barreiras para pessoas com deficiência auditiva ou ensurdecidas. Além disso, você perde a visualização daqueles que têm o hábito de assistir a vídeos nas redes sociais com o áudio desativado.

Por isso, é essencial adicionar o closed caption, que em português significa legenda oculta. O recurso permite a transcrição das falas junto à descrição de elementos importantes na narrativa, desde aplausos, suspiros, gritos e até o silêncio.


TEXTOS DE FORMA ASSISTIVA

A organização e o fluxo de informações podem ser um problema para pessoas com deficiência visual. Para tornar a informação acessível a esse público, priorize:


FONTES BÁSICAS

Fontes serifadas, cursivas e fantasia podem não ser uma boa escolha. Isso porque elas são difíceis de serem lidas por pessoas com problemas de visão e com deficiência visual situacional.


ESCREVA DE MODO ASSISTIVO

Para tornar um texto acessível, é preciso pensar na estrutura semântica e na construção gramatical dele. Frases e parágrafos extensos, além do uso da voz passiva e de figuras de linguagem, podem dificultar a compreensão do conteúdo de muitos usuários.


ALINHAMENTO A ESQUERDA

O texto justificado à esquerda é uma estratégia de escrita útil quando você está projetando algo que será visto pelo maior número possível de pessoas. Ele pode ajudar a tornar o conteúdo mais fácil de ler, independentemente do seu computador ou tamanho da tela.


OPTE SEMPRE PELO CONTRASTE E VISIBILIDADE

As Diretrizes de Acessibilidade ao Conteúdo da Web (WCAG) recomendam que a taxa de contraste seja de, no mínimo, 4.5:1 para textos normais. A escolha de cores é importante porque nem todos conseguem fazer a distinção de todas as cores, como no caso de pessoas que sofrem com daltonismo.


Gostou do nosso conteúdo? Então siga-nos nas redes sociais para ficar por dentro de mais informações e acompanhe o nosso blog.


Referências:
https://bit.ly/3aSyRgu
https://bit.ly/3aX6SfL
Compartilhe este artigo em suas redes sociais:
Avalie este artigo:
[yasr_visitor_votes size=”medium”]

Conteúdo

Nossos artigos mais recentes

Leia sobre as últimas tendências na área de tecnologia
Blog 16-05
Neste texto iremos falar sobre um assunto primordial na programação: o bem-estar...
Blog 14-05
Participar de competições de programação é um teste não só das habilidades...
NEARSHORE_ LATAM AS THE MAIN DESTINATION FOR THE BEST IT TALENT thumb blog
À medida que navegamos por um mundo em constante transformação e evolução...

Extra, extra!

Assine nossa newsletter

Fique sempre atualizado com as novidades em tecnologia, transformação digital, mercado de trabalho e oportunidades de carreira

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur. Venenatis facilisi.