Como Melhorar o Foco e a Concentração

(8 minutos de leitura) Autora: Juliana Müller - beecrowd Não é novidade que o estilo de vida do século 21 nos levou a criar novos hábitos e mudar quase que constantemente o foco de nossa atenção. Mas como melhorar nosso foco e concentração com essa avalanche de informações que temos diariamente?

Como Melhorar o Foco e a Concentração

Autora: Juliana Müller – beecrowd

(8 minutos de leitura)


Começo a escrever este artigo e paro inúmeras vezes. Olho o celular, volto, levanto, bebo uma água, depois tenho fome, retomo. Dou uma olhada rápida nos e-mails. Levanto mais uma vez, na volta, outra olhadinha rápida no celular, só checar se o jogo começou… ai penso… concentre-se, você precisa terminar essa tarefa, cujo tema é o FOCO!!!

Não é novidade para nenhum de nós que o estilo de vida do século 21 nos levou a criar novos hábitos e mudar quase que constantemente o foco de nossa atenção. Num mundo totalmente tecnológico como o que vivemos hoje, recebemos uma carga brutal de dados e informações, o que tem nos levado a mudar nosso estilo de vida. 

Dificilmente nos deparamos com pessoas, em especial os mais jovens, que não estejam o tempo todo conectados. Isso significa que somos constantemente interrompidos pelas mensagens e notificações dos nossos dispositivos eletrônicos. Imediatamente olhamos para a tela do celular para checar do que se trata. Para nós mesmos e até para os outros, argumentamos que “isso não atrapalha, uma olhadinha rápida e volto a fazer o que estava fazendo”. Será mesmo?

O que talvez não tenhamos dado conta é que justamente nesse trocar o foco “rapidinho” é que mora o perigo. Estamos habituando o nosso cérebro a mudar constantemente o foco da nossa atenção, e depois, fica difícil de nos concentrarmos numa única coisa por um tempo mais longo. 

Além disso, para ganhar tempo no mundo corrido de hoje, também nos acostumamos a fazer pelo menos duas coisas ao mesmo tempo: dirigimos enquanto fazemos conferências no viva-voz do celular, comemos enquanto trabalhamos, assistimos TV enquanto respondemos mensagens, marcamos médicos ao mesmo tempo em que assistimos uma apresentação, ou atendemos um chamado do filho. 

Sim, nosso cérebro nos possibilita fazer uma tarefa mecânica como andar, juntamente com uma tarefa de raciocínio, como conversar. Mas duas tarefas de raciocínio juntas, o que chamamos de multitarefa ou o conhecido termo “multitasking” é um pouco demais, e acaba nos levando perder o foco de atenção. O mais irônico é que acabamos “vendendo” isso como uma qualidade. Já vi entrevistas de emprego onde o candidato alegou exatamente isso, “sou extremamente produtivo, e faço mil coisas ao mesmo tempo”. Será? Qual a qualidade dessas tarefas? Ou qual o custo para a saúde desse profissional? 

É injusto culparmos somente a tecnologia, o bode expiatório mais comum para justificar a distração. Existem também na tecnologia, inúmeros dispositivos criados para nos ajudar na melhoria da produtividade. Na minha modesta opinião, usados com bom senso, os recursos tecnológicos podem ser grandes aliados. Então, concluímos que talvez o grande vilão seja a falta de bom senso e o mau uso de dispositivos eletrônicos e outras facilidades. 

Segundo a neurocientista e professora adjunta da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Carla Tieppo, as pessoas desenvolveram uma relação de grande dependência com a tecnologia. Esse hábito se tornou irresistível, como um vício. E a cada interrupção, demoramos cerca de 23 minutos para recuperarmos o foco total na nossa atividade original.


ENTÃO COMO MANTER O FOCO E MELHORAR NOSSA CONCENTRAÇÃO? 

Não existe mágica. Feliz ou infelizmente, não existe. As distrações só podem ser vencidas com esforço e autodisciplina. E para que isso funcione, precisamos exercitar essa autodisciplina diariamente. Temos que nos policiar. Porém, existem sim alguns dispositivos que podem contribuir com essa melhora do foco e concentração. Divido aqui, com vocês, alguns que aprendi:


1. DIVIDA SEU TRABALHO EM ETAPAS 

Nosso cérebro só consegue se fixar num único objeto durante 50 ou 60 minutos. Após esse tempo, a atenção acaba. Então, a dica é dividir suas tarefas para que caibam neste tempo. Concentre-se e não pare. Depois desse período, faça um pequeno intervalo, levante, tome uma água, um café, cheque suas mensagens. A pausa é necessária e muito eficiente para a retomada.


2. ELIMINE A BAGUNÇA AO SEU REDOR 

Trabalhar, estudar ou fazer qualquer atividade num ambiente caótico e bagunçado é horrível para nosso cérebro. O sistema nervoso se espelha no ambiente externo. Assim, se não há lógica do lado de fora, fica impossível organizar o lado de dentro.


3. SAIBA OUVIR NA ESSÊNCIA E COM ATENÇÃO 

Quando nos concentramos em uma única atividade e ouvimos as pessoas com toda a nossa atenção, nosso entendimento automaticamente se eleva, e fica muito mais simples o entendimento inclusive de assuntos que não dominamos. É como aquela aula em que prestamos atenção máxima. Na hora do estudo, parece muito mais fácil. Simples, mas requer muita disciplina.


4. ALIMENTE-SE DE MANEIRA ADEQUADA 

Cerca de 20% do açúcar e da energia que você consome vão para o cérebro, fazendo com que a função cerebral dependa dos níveis de glicose. Se os níveis de açúcar não forem controlados, sua cabeça pode ficar confusa. O equilíbrio alimentar é fundamental para o bem-estar da mente. Uma dieta balanceada e saudável ajuda a manter os órgãos em sincronia e o cérebro saudável.


5. FAÇA EXERCÍCIOS REGULARMENTE

A atividade física aumenta as sinapses, cria mais conexões cerebrais, ajuda na formação de células extras e no sistema cardiovascular. Isso significa que você transporta mais oxigênio e glicose para o cérebro, além de eliminar toxinas. Se você conseguir se exercitar ao ar livre, melhor ainda, pois terá o benefício adicional de absorver mais vitamina D. 

Mas o mais importante é encontrar uma atividade que te dê prazer, com a qual você se divirta. Isso vai ajudar a impulsionar a interação social do cérebro.


6. OUÇA MÚSICA E RELAXE 

É comprovado cientificamente que ouvir música traz inúmeros benefícios para nosso organismo. Uma playlist com músicas que te agradam, num volume adequado, podem ajudar no foco e concentração. Além disso, é importante que a gente aprenda a "desligar" e relaxar, permitindo o descanso do cérebro. Quando nos desconectamos trabalhamos no cérebro uma parte chamada rede neural de modo padrão, a mesma que nos permite sonhar, e é extremamente importante para nos manter saudáveis. Então, ouça música e relaxe.


7. DURMA BEM E EM QUANTIDADE SUFICIENTE 

O sono é muito importante para nos ajudar no foco. Com menos de cinco horas de sono, você não fica tão forte mentalmente. Já se dormir mais de 10 horas, pode sentir os efeitos do "jet lag". Observe o seu organismo e se adeque. Quando dormimos a conexão da memória é fortalecida e reforçada,  e aquilo que você aprendeu vira uma memória. O sono com qualidade é, portanto, um momento realmente importante para a consolidação da memória e apoio na concentração para quando estamos acordados.

Certamente, existem outras pequenas coisas que podemos incorporar em nosso dia a dia e como resultado, melhorar nosso desempenho e foco nas tarefas diárias. Depois de saber disso, talvez você esteja pensando em mudar alguns hábitos, eu definitivamente estou.


Gostou do nosso conteúdo? Então siga-nos nas redes sociais para ficar por dentro de mais informações e acompanhe o nosso blog.

Autora: Juliana Müller é Chief Corporate and Legal Officer na beecrowd. Ela é graduada em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Mackenzie e possui mestrado em Legislação de Contratos Comerciais pela PUC-SP. Juliana possui mais de 20 anos de experiência em departamentos jurídicos e na melhoria de processos corporativos em empresas globais.

Compartilhe este artigo em suas redes sociais:
Avalie este artigo:
[yasr_visitor_votes size=”medium”]

Conteúdo

Nossos artigos mais recentes

Leia sobre as últimas tendências na área de tecnologia
Blog 23-05-min
Você é apaixonado por programação e está sempre em busca de maneiras...
Blog 21-05
A tecnologia blockchain está transformando várias indústrias por meio dos aplicativos descentralizados...
Blog 16-05
Neste texto iremos falar sobre um assunto primordial na programação: o bem-estar...

Extra, extra!

Assine nossa newsletter

Fique sempre atualizado com as novidades em tecnologia, transformação digital, mercado de trabalho e oportunidades de carreira

Lorem ipsum dolor sit amet consectetur. Venenatis facilisi.